Com "chapa pesada" à AL, vereador de VG não ficará no União Brasil

Imprimir
+ Política
Sábado, 22 Janeiro 2022 | FolhaMax
O presidente da Câmara Municipal de Várzea Grande, Fábio Tardin, o Fabinho, declarou nesta quinta-feira (20) que avalia deixar o DEM, partido que se fundiu com o PSL e aguarda aval do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para ser formalizado e denominado de União Brasil. Em entrevista ao FOLHAMAX, o parlamentar declarou que tem a pretensão de ser candidato em outubro a uma vaga na Assembleia Legislativa e considera difícil emplacar esse projeto no União Brasil. 
"A chapa do União Brasil é muito pesada. Atualmente, são poucos nomes, mas com muita força política e eleitoral. Até o momento, não foi discutida a formação de chapas e não tivemos nenhum debate. Por esse e outros fatores devo seguir outro caminho para disputar a deputado estadual", disse. 
Fabinho ainda declarou que já recebeu convites de outros partidos como PP, PSDB, PSB, MDB, PRTB e PV. Porém, vai aguardar a abertura da janela partidária em março que encerra no dia 2 de abril para decidir. "Tenho uma boa relação com o PP e o deputado federal Neri Geller. É uma boa alternativa, mas ainda vou analisar com calma. Tenho muito respeito pelos partidos", declarou.
O vereador ainda declarou que alimenta a possibilidade de convencer o ex-governador Júlio Campos (DEM) a apoiá-lo numa disputa a Assembleia Legislativa. Campos, que também já foi prefeito de Várzea Grande, senador, deputado federal e conselheiro do TCE (Tribunal de Contas do Estado), tem dito publicamente que planeja concorrer a deputado estadual. 
"Seria muito bem vindo o apoio do Júlio Campos. Seria uma aposta na renovação. Vamos seguir conversando e aí podemos chegar a um consenso. O que importa é Várzea Grande eleger um representante para a Assembleia Legislativa. Estamos perdendo investimentos por falta de articulação com o governo do Estado. Por isso, a importância de um representante no Parlamento estadual", concluiu.

 

 
 
 
 
 
Joomla 1.6 Templates designed by Joomla Hosting Reviews